Não julga não, vai!

Preste atenção, 

Que a forma como você me vê

Diz tanto sobre mim

Quanto diz sobre você.

Presta atenção, 

Que a mão que aponta esse dedo  pra mim

Aponta mais três pra você.
Presta atenção,

Não fala mal

E não julga não 

Presta atenção,

Estamos no mesmo barco

Então não vem com lição

Tudo aquilo que você fala

É fruto da sua imaginação

Não vai me afetar

E se você me julga,

Isso não vai me calar

Portanto, sigo apenas pedindo

Não me julga não!

E pra você eu mando um beijo e desejo

Muito amor no coração. 

Anúncios

Quem disse? 

Quem foi que começou a crer

Que amar se trata de falar, beijar

Que amor era só dizer

Eu te amo, sem pensar❓

E as vezes nem mesmo ser.

Quem foi que disse o que era amar

E nos disse como temos que viver
Se eu te espero a tantos anos até você aparecer…

A lugar nenhum 

Eu chorei

A noite inteira não dormi

E eu que pensei

Que estando tudo bem,

Não havia problema em você ir

Mas quando você saiu

A escuridão pode vir

E sinceramente tudo sumiu

Não sei se consigo continuar

Daqui pra frente

Não consigo mais te respeitar

O que sinto é uma vontade grande

De reaproveitar

De reciclar

Tantos sentimentos

Até que só sobre o que vier para melhorar

Mas tudo que eu consigo nesse momento é te odiar.

E com isso, não vamos a lugar nenhum

Posso esperar

Que nessa vida, sejamos um

Desanuviado

Eu ficaria lá,

Olhando esse mar imenso que são seus olhos

Escutaria mais dois álbuns de nossas bandas preferidas

Se não houvessem compromissos

Ah, se o amor tivesse a importância que damos…

Eu ficaria lá, por uma noite inteira ou por uma semana.

Recolheria seus medos e jogava fora

Naquela sacola

Eu ficaria lá,

Mas tive que ir embora

Já podemos ver a lua no céu..

“Ah! O céu está lindo!”

Assim como nós

O nublado que antes nos incomodava

Foi embora

Agora tudo é tão limpo

Tão claro!

Desanuviado!

E eu ficaria lá,

Mesmo que a chuva chegasse…

Eu ficaria lá,

Para te ter pra sempre em meus braços.